Epigraph - Capítulo I - Armação dos Búzios/RJ

O que é o percurso do ser humano se não uma história de oportunidades.

A capacidade de improvisar é inerente aos seres, da mesma forma a regularidade. Novidade e rotina. Improvisar, então, é correr risco, adaptar-se a urgência do tempo e relacionar-se sem constrangimento. O que importa é manter-se no jogo, realizar a ação, na certeza, porém, de que não há possibilidade de erro e nem garantias de acerto. O que há são formas de experimentar, só.

Ao considerar as configurações e interpretações que indicam a sensibilidade dos sensores de imagem, de sinapses únicas e contemplar a intercessão da imaginação criadora, da expressão autoral e do senso estético, a partir da interpretação do autor da produção artística, EPIGRAPH propõe um espaço de discussão, troca de saberes, reflexão, além de apreciar questões técnicas, estéticas e éticas.

As mudanças constantes e cada vez mais aceleradas exigem um felling muito mais apurado e capaz de realizar ações sobre variáveis de mercados. A busca pelo equilíbrio operacional está em conhecer o máximo possível e resultar tudo em respostas e/ou soluções eficientes, aprimorando processos e ferramentas. Padrões e variáveis, certos e incertos. Previsibilidade ou oportunidade.

Em um mercado altamente competitivo e volátil, faz-se necessária uma competência apurada em administrar adversidades, lidar com o caos e turbulência é linha de regularidade e linha de fuga ao mesmo tempo. É novidade, é repetição. É disciplina, é surpresa. É risco, é cuidado, lugar do tempo, do eterno, da expectativa, do nascer e do morrer. O mover do homem é o que constrói sua história, é fluxo interminável.

Este primeiro encontro EPIGRAPH, na cidade de Armação dos Búzios, no Rio de Janeiro,acontece em ambientes e valores de nossas próprias improvisações. O convite é para elaborar experiência real de identidade sensível, constituir estratégias de produção artística no momento contemporâneo e diverso, pesar investimentos no indivíduo e em seus instrumentos, promover o foco de trabalho eleito ao criar espaços de crítica e reflexão em um cenário inspirador de inúmeras possibilidades de histórias para viver e contar. Uma experiência incrível com pessoas especiais para pensar, filosofar e criar novos percursos juntos.